Home / Carta do Primo / Carta do Primo – Fortaleza, 29 de março de 2013.
Carta do Primo – Fortaleza, 29 de março de 2013.

Carta do Primo – Fortaleza, 29 de março de 2013.

Fortaleza, 29 de março de 2013.
Primo,

Olha o envelope desta Carta e veja o carimbo dos Correios. Isso mesmo, estou em Fortaleza, sofrendo. O Galba não nos dá sossego pra nada: Praia do Futuro, Morro Branco, Beach Park, Mercado Central, Catedral Metropolitana, Jardins Japoneses… Nem tempo para assistir a um show – nesta cidade que é o maior celeiro de humoristas do Brasil – tivemos. A Suely e o José Washington, depois desse sofrimento todo, viajaram ontem à noite para Natal; eu fiquei aqui e, acredito, ainda vou sofrer por mais uns dois dias.
Portanto, caso encontre aí em São Paulo algum bocaiuvense e resolva bater com a língua nos dentes, não esqueça de acrescentar que a minha viagem está sendo patrocinada. Sabe por quê? Credores, Primo!
E por falar em credores, estou com uma dívida enorme com os internautas – inclusive você – que acompanham o meu site. As visitas (acessos) tiveram uma considerável queda nesses dias que estou fora. Isso, é claro, pela falta de novas postagens. Essa inadimplência vou quitar assim que retornar a Bocaiúva; as outras, vou declarar moratória ou, na melhor da hipóteses, uma dilação nos prazos.

Antes de arrumar a mala para pegar o voo de volta, vou – ciceroneado pelo grande amigo Galba – dar uma volta pela orla marítima, a fim de curtir esse mundão de água que tem por aqui, pois em Bocaiúva, a semana que sai de lá, o SAAE tinha deixado grande parte da cidade sem água até para beber. Espero que ao voltar, a direção já tenha saído do discurso barato (ou será caro?) e resolvido o problema.

Um abração do
Pedro Beach Park Rodriguez

Em tempo: O cearense Galba, não sei se você se lembra, é sobrinho do dentista José Ribeiro e morou em Bocaiúva dos 17 aos 21 anos, na década de 1970. Voltou pra cá, casou-se e constituiu família, que é uma da mais bonitas que conheço.

 

Um comentário

  1. Grande Pedro, não tenha dúvida que foi muito bom revê-los aqui na terra do sol. Ficamos muitos felizes com a visita, pena que sempre breve mas suficiente para muita coisa, como dito na matéria acima. Sempre que puderem e tiverem um tempinho voltem, vcs são muito bem vindos! Um forte abraço, uma boa Páscoa para vc, toda sua família e pra esse povo todo de Bocaiúva, cidade que nem conheço mas quero um bem danado!

    Em tempo, sou novo seguidor do blog.

    Guilherme Ribeiro

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Scroll To Top