Home / Destaque / Câmara de Bocaiúva pode aprovar nesta segunda-feira o maior absurdo da administração Ricardo Veloso
Câmara de Bocaiúva pode aprovar nesta segunda-feira o maior absurdo da administração Ricardo Veloso

Câmara de Bocaiúva pode aprovar nesta segunda-feira o maior absurdo da administração Ricardo Veloso

 

Preparado pelos norte-americanos na ocasião do famoso eclipse de 1947, o campo de pouso de Bocaiúva é considerado por especialistas como um dos melhores do Brasil. A sua elogiada base, que recebeu as possantes aeronaves da terra do Tio Sam  e continua intacta ao longo desses 67 anos, é motivo de estudos até os dias atuais.

Tudo isso, no entanto, que a ação do tempo não conseguiu destruir, pode ser destruído hoje à noite com uma simples assinatura do prefeito Ricardo Veloso e a conivência da Câmara Municipal de Bocaiúva.

Um projeto do executivo – com pedido de urgência – autoriza a doação do imóvel a uma empreiteira, denominada “Entidade Organizadora”. De acordo com o projeto, as casas populares serão construídas e vendidas – isso mesmo, vendidas! – aos beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal. As famílias que se enquadrarem, ou seja, tiveram renda mensal de até R$ 1.600,00 poderão adquirir uma unidade e dividir o pagamento em 10 anos.

A preocupação da maioria dos bocaiuvenses é que a doação apague o único marco histórico que ainda resta na cidade. Principalmente em se tratando de um problema que pode facilmente ser solucionado sem que destrua aquilo que contribuiu para que o nome de Bocaiúva corresse o mundo inteiro. O clamor público é de que existem dezenas de outras opções para construção de casas populares. Terrenos que poderiam facilmente ser adquiridos pela prefeitura para doação à empreiteira, que, conforme comenta a boca pequena, podem ter interesses escusos.

O projeto de lei nº 27/2014, que autoriza a doação de 144.887,70 m2., será apresentado na noite desta segunda-feira, 1º de junho, para apreciação e votação. A expectativa é que algum vereador requeira prazo para análise e com isso  vereadores que estão ali apenas para dizer Amém aos projetos do executivo reflitam e encontrem uma solução para o impasse.

 

16 comentários

  1. Mário Caldeira Brant

    Amigo Pedro

    Estão tentando acabar com a história de nossa Terra. Como filho de Gilberto Caldeira Brant Sr.Nem que doou o terreno para a construção do Campo de Aviação. Terreno este que recebeu os americanos em 1947, por “0casião do Eclipse”.
    Somos totalmente contrários a esta doação para uma Construtora. Na maioria dos casos de corrupção temos sempre a figura de uma Construtora. Este pais é muito rico e digo sempre O Brasil cresce enquanto nossos políticos dormem.

  2. Valeu Pedro Sem Medo! É inconcebível se calar a um episódio tão camuflado ao nosso povo. Capítulo triste, que anuncia séria mutilação à nossa gloriosa história, infelizmente eivada de desavisados, contumazes concorrentes em danificar a memória da Terra do Senhor do Bom Fim. Deixo tecer outros comentários, pois a minha história narra uma gama de atividades e participações, no leito conjugal e histórico de minha e nossa amada Bocaiuva. Não aplaudo certos oportunistas, arautos da salvação! Mas o momento recomenda uma sólida união em torno de um só objetivo. Ou seja, resistir, até com eles, essa tal anunciada e danosa ação do governo municipal. Aproveito para aplaudir a sua competente iniciativa, que motivou a nós todos e a Bim Brandão, que colocou toda sua conhecida liderança em defesa de Bocaiuva, sua história e sua memória, ora ameaçadas…

  3. todo mundo com sua casa propria fica facil comentar.

  4. Narles Cléssio Dias Teixeira

    Estive, ontem na sessão extraordinária da Câmara Municipal de Bocaiúva, na votação do projeto 27/2014, e pude presenciar um espetáculo de grosseria e petulância de uns dois vereadores a favor do projeto que, como é bastante difundido na cidade, são mais sujos que pau de galinheiro. Com certeza, podem ter qualquer outro intento, menos ajudar aos pobres que não possuem moradia como tanto falam. É muito comum vermos reportagens denunciando inúmeras irregularidades com o minha casa minha vida. Muito provavelmente, este será mais um. Pobre no Brasil só recebe pancadas.

  5. Deviam mostrar serviço sem apagar a memória da nossa cidade ! Tem muita terra por ai.

  6. Temos que nos posicionar..senão fazem o que querem..

  7. Quanta ignorância meu Deus….

  8. A populaçao tem que precionar e fazer manifestaçao, senao eles fazem o que querem.

  9. É a hora de analisarmos o valor de nossos vereadores, pode esta nas mãos
    deles!!!

  10. O campo de aviação é parte da história de Bocaiuva. E como tal deve ser preservado. Com certeza há muitas outras áreas até mais adequadas para construção de casas populares. É preciso esclarecer isto.

  11. O campo de aviação é parte da história de Bocaiuva. E como tal deve ser preservado. Com certeza há muitas outras áreas até mais adequadas para construção de casas populares. É preciso esclarecer isto.

  12. Esperamos bom senso dos edis. Bocaiúva vai entrar para a história como a cidadade 100. Sem história, sem respeito, sem governo, sem direção, sem respeito ao povo e sua história/cultura.

  13. Esperamos bom senso dos edis. Bocaiúva vai entrar para a história como a cidadade 100. Sem história, sem respeito, sem governo, sem direção, sem respeito ao povo e sua história/cultura.

  14. Pedro, acho importante divulgar o campo de pouso para que os bocaiuvenses tomem conhecimento. Assim, fica mais fácil posicionarem. Acho, até, que deve tornar ponto turístico! Essa mobilização é importante!

  15. Ah, Pedro, Bocaiuva, a cada dia, está mais descaracterizada… Nenhum sentimento por qualquer marco histórico da cidade. Um povo que assiste, passivamente, a destruição de nossa história… Imitando Carlos Drummond, Bocaiuva é apenas um retrato na parede.. Ainda bem que a casa onde nasci está garantida, à óleo, na parede minha sala.. rs

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Scroll To Top